Desparasitação Externa

Com a chegada da primavera há um grande desenvolvimento dos parasitas externos que se encontravam uma pouco latentes no inverno.
Se ainda não faz uma prevenção regular dos ectoparasitas (pulgas, carraças, moscas e mosquitos) esta é altura ideal para o começar a fazer, antes que veja o seu animal, a sua família e a sua casa ser invadidos.

É muito importante protegermos o nosso animal de estimação contra estes parasitas, uma vez que ele é o alvo preferido destes insectos. A infestação dos nossos animais com estes parasitas provoca-lhes irritação da pele, prurido e por vezes transmite-lhe doenças graves que podem conduzir à morte.

Veja com atenção a seguinte tabela:

Insecto Problemas que causa
Pulgas – Problemas de pele (principalmente em cães alérgicos à saliva da pulga – DAPP dermatite alérgica à picada da pulga)– Transmitem parasitas internos (ténias)– Transmite Hemobartonelose (micoplasma que infecta os glóbulos vermelhos do sangue provocando anemias graves).– Anemias (uma vez que cada pulga ingere o sangue do animal para se alimentar.
Carraças – Transmitem Babesiose/pirolasmose (doença muito comum que provoca anemias graves que conduzem à morte se não for iniciado um tratamento na fase inicial da doença) Esta doença é transmissível ao homem.– Transmite Erliquiose e Hemobartonelose;– Transmite a doença de Lyme ou Borreliose – Provoca problemas articulares graves
Mosquitos(flebótomos) – A picada provoca prurido e irritação;– Transmitem a dirofilariose (parasita que se instala no corações, provocado problemas cardíacos muito graves)– Transmitem a Leishmaniose (doença que não tem cura, provocada por um parasita que provoca imensos problemas em diversos órgão e pode ser transmitida aos humanos).
Moscas – Provocam dermatites e irritação da pele, principalmente visível no bordo das orelhas dos cães que vivem no exterior.– Colocam ovos em feridas que o animal possa possuir, impedindo a cicatrização das mesmas e desenvolvendo-se posteriormente larvas no corpo do animal.

Todos os cães deverão fazer um excelente controlo das pulgas, carraças, mosquitos e moscas uma vez que mesmo os que passam quase todo o dia em casa, são susceptíveis de apanhar estes parasitas.

Os gatos que estão sempre em casa deverão fazer um bom controlo contra pulgas e os que saem de casa devem fazer um bom controlo das pulgas e carraças.

Estes controlo é facilmente conseguido através da aplicação mensal de pipetas ou aplicação de coleiras que têm uma duração variável entre 4 a 6 meses. Existem diversas marcas no mercado – deve aconselhar-se com o seu médico veterinário sobre a melhor para o seu animal. Ao adquirir um produtos para aplicar ao seu animal verifique sempre se é indicado para a sua espécie (há pipetas de cão que podem matar um gato) e idade. Deverá também verificar que seja eficaz contra pulgas, carraças, moscas e mosquitos. Leia sempre as indicações do produtor para saber como fazer a correcta administração, escolha o tamanho adquado para o seu animal e verifique durante quanto tempo o produto é eficaz.

Partilhe com os seus amigos!

Esta entrada foi publicada em Cuidados Básicos com as tags , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.